Viva Negra condenada a 21 anos de priso por matar ex namorado envenenado

Viva Negra condenada a 21 anos de priso por matar ex namorado envenenado

31/08/2021

31/08/2021

Na tarde desta terça-feira (31), teve fim o julgamento de Wane Brenda Oliveira, acusada pela morte de Edvaldo Araújo Alves, de 40 anos. O homem foi namorado da ré, em 2017, e o relacionamento durou pouco menos de um ano. 

De acordo com a decisão da justiça, Wane deverá cumprir pena de 21 anos, inicialmente em regime fechado, por homicídio qualificado. Ela nega o crime, mas está presa há quatro anos. 

Vale ressaltar que Wane também é acusada de matar, com o mesmo modus operandi, isto é, envenenamento por chumbinho, um outro parceiro que ela teve, Evandro Bonfim de Souza, também de 40 anos. Ainda não há audiência marcada para julgar a morte da segunda vítima. Contudo, as provas em ambos os casos são bastante contundentes, inclusive com exumação de um dos corpos para perícia técnica, ocorrida em 2018.

O caso ganhou grande repercussão, à época, e esta semana volta aos holofotes da imprensa e comentários da sociedade. Wane não aceitava o fim do relacionamento, e em ambos os casos, as vítimas estavam insatisfeitas com o namoro e pretendiam terminar a relação. Era aí que a chamada Viúva Negra entrava em ação, e findava a vida de suas vítimas. 

 

 

Por:Jequitinhonhanews.com/Verdinho

Comente nossa matéria usando o Facebook
AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.